sábado, 26 de Dezembro de 2009

Bye Bye


Três anos após a abertura oficial desta casa, finalmente as vizinhas preparam-se para o dia histórico...... Senhor@s e senhor@s, fechamos porque estamos nos preparativos do nosso casamento. (Será??)

Beijos para tod@s e até um dia qualquer!

Lista disponível em : FNAC, Bang & Olufsen, Vista Alegre, LX Yachts, BMW LX Cars

e lembrem-se: as vizinhas que moram ao vosso lado agradecem.

segunda-feira, 28 de Setembro de 2009

Coisas sem nenhum interesse

Ao estar a "passear" pelas fotos das férias... dou com algumas questões mal resolvidas. Eis uma delas:

O que terá passado pela cabeça da tua mãe para me comprar ESTA toalha de praia?




(será que ela conhece o meu lado B? ou seja, o meu lado bem piroso?Ui!)


segunda-feira, 31 de Agosto de 2009

segunda-feira, 27 de Julho de 2009

O sentido da vida

Este blog vai de férias.
(ou, pelo menos as suas (des)inspiradas e pirosas autoras vão...)

Este blog vai ter de pensar no seu futuro.





Será que ainda faz sentido a vida deste blog?
Em Setembro se verá!
Boas férias a tod@s e até já!

terça-feira, 21 de Julho de 2009

Beijos


Baby estou à tua espera

PS1 Beijos para tod@s e boas férias

PS2 Beijos especiais para quem carregou o sofá!

terça-feira, 7 de Julho de 2009

para quem é chato!!!!



Be carefull babe

sábado, 6 de Junho de 2009

Não percam!

segunda-feira, 1 de Junho de 2009

MOVIMENTO PELA IGUALDADE no acesso ao casamento civil


Vá, vão lá deixar a vossa assinatura, já!
Isto diz respeito a todos, mesmo aos que não se querem casar!
É mais que justo que tenhamos, todos, o direito à escolha!

terça-feira, 26 de Maio de 2009

segunda-feira, 4 de Maio de 2009

O tempo...que no fim não vale nada!

Mais Olhos Que Barriga
(Pedro Malaquias / Susana Félix e Renato Jr.)


O tempo, esse bandido clandestino
Salteador de estradas e memórias
Mistura numa névoa libertino
O passado e o futuro das histórias.

O tempo de dizer a vida é breve
O tempo de viver há quem o diga
Só espera que o diabo que o leve
O tempo tem mais olhos que barriga.

Ensinou os dedos de rameira
Remexendo em tudo muito embora
Seja sem prazer que tudo queira
Trinque e deixe a meio e deite fora.

O tempo que se esconde de emboscada
O tempo que te foge a sete pés
O tempo que no fim não vale nada.